Maior coleção de whiskys do mundo será leiloada em breve

Quem aprecia um bom whisky vai ficar com os olhos brilhando com essa notícia: a maior coleção da bebida, com mais de 3.900 garrafas raras será leiloada entre fevereiro e abril de 2020. De acordo com o The New York Times, o valor estimado da coleção pode chegar a 10 milhões de dólares, ou seja, cerca de 40 milhões de reais. A coleção pertencia ao empresário americano Richard Gooding, falecido em 2014.

Por mais de duas décadas, Gooding viajou o mundo a procura de whiskys especiais. A Whisky Auctioneer, sediada na Escócia, será a responsável pela realização do leilão. Aficcionado pela bebida, ele viajava constantemente entre a Escócia e a Irlanda para participar de leilões e comprar whiskys diretamente de destilarias. Além de colecionar, ele também gostava de tomar whiskys raros entre amigos.

Confira algumas das garrafas raras que fazem parte da coleção que será leiloada.

  • Macallan 1926 Fine & Rare 60 Year Old – atualmente considerada a garrafa de whisky mais cara já vendida.
  • Macallan Valerio Adami 1926 60 Year Old – apareceu para venda pela última vez em 2018 (e na época bateu o recorde de garrafa de whisky mais cara já vendida).
  • Macallan 50 Year Old Lalique Six Pillars Collection – a coleção inteira de uma série colaborativa entre Macallan e Lalique.
  • Springbank 1919 50 Year Old – uma de somente 24 garrafas produzidas.
  • Glenfiddich 1937 Rare Collection 64 Year Old – Uma de apenas 61 garrafas já produzidas de uma das mais antigas e mais raras série de Glenfiddich.
  • Bowmore 1964 Black Bowmore 29 Year Old 1st Edition – um dos favoritos do colecionador.

Pode falar, é de encher os olhos, não é verdade? Ficou interessado em dar um lance? Clique aqui para saber mais detalhes!

Fonte: Roteiro Refresh

About Luiza Melo

Check Also

Mercado de criptomoedas renova recorde e atinge valor de US$ 2 trilhões

Analistas afirmam que, desde que o bitcoin mantenha sua cotação acima de US$ 53 mil, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.